Mais Cinco

Bar do Chicão é o campeão do Comida di Buteco 2021 em Goiás

O Bar do Chicão é o grande campeão do Comida di Buteco 2021. O anúncio foi realizado nesta terça-feira (14/09), em Goiânia, ao vivo, em um encontro que reuniu todos os 30 estabelecimentos participantes da edição deste ano. O buteco conquistou o título com o petisco Casa Raiz, que foi avaliado pelo público que visitou o local e por um júri selecionado, que avaliaram não só o petisco, como também a higiene do local, o atendimento e a temperatura da bebida.

Em segundo lugar ficou o Camargo Chopp, com o petisco Musseline no Pão Italiano. Já em terceiro lugar aparece o Bistrô Chica Doida, com o petisco o Brigadeiro de Picanha, seguido pelo Bar do Dodô com o petisco Carne Papagaio, em quarto lugar; e o Gurupi Restaurante com o petisco Carachamba, na quinta posição.

Veja lista completa de vencedores do Comida di Buteco 2021 em Goiás:

  • 1º lugar: Bar do Chicão – Petisco: Casal Raiz (Creme de inhame e cará com frango desfiado e muçarela)
  • 2º lugar: Camargos Chopp – Petisco: Musseline no Pão Italiano (Musseline de carne de sol e batata-baroa servida no pão italiano)
  • 3º lugar: Bistrô Chica Doida – Petisco: Brigadeiro de Picanha (Bolinhas de picanha recheadas com muçarela, fritas e acompanhadas de geleia de pimenta)
  • 4º lugar: Bar do Dodô – Petisco: Carne Papagaio (Carne serenada na banha de porco e servida com batata-doce e chutney de abacaxi)
  • 5º lugar: Gurupi Restaurante – Petisco: Carachamba (Bolinho de massa de cará com recheio de chambaril)

Entenda como foi a dinâmica de votação do Comida di Buteco 2021

Neste ano, 30 estabelecimentos de Goiânia e Aparecida de Goiânia concorreram ao título. A novidade do concurso foi o formato híbrido, ou seja, a possibilidade de visitar os botecos presencialmente ou fazer pedidos dos petiscos por meio de delivery ou no formato para levar. A medida foi adotada para garantir a segurança dos butequeiros e dos proprietários e trabalhadores dos estabelecimentos participantes do concurso.

Apesar do formato híbrido, só puderam votar, para escolher o melhor boteco, quem visitou presencialmente os estabelecimentos. Na primeira etapa, em cada uma das cidades participantes, os botecos apresentaram os petiscos criados especialmente para a competição. O público e um corpo de jurados visitaram, votaram e elegeram o campeão, no período de 30 de julho a 29 de agosto, avaliando quatro categorias: petisco, atendimento, higiene e temperatura da bebida. O petisco levou 70% do peso da nota e as demais categorias, 10% cada uma. O voto do público valeu 50% do peso total e dos jurados, 50%. A partir das notas foi eleito o campeão. Em 2021, os botecos participantes desenvolveram as receitas dos petiscos contendo uma ou mais raízes, já que este é o tema do concurso. Os pratos tiveram preço fixo de R$ 27,00.

Campeão nacional e orientações

Na segunda etapa, uma nova comissão de jurados, escolhida especificamente para o momento, vai visitar os campeões de cada cidade, avaliando a performance nas mesmas quatro categorias (petisco, atendimento, temperatura da bebida e higiene). Cada campeão recebe três jurados. Elege-se aí o ‘Melhor Buteco do Brasil’, que será conhecido e premiado no mês de outubro.

Assim como os regulamentos do concurso, os botecos participantes do Comida estão sujeitos, ainda, às regras de funcionamento de bares, determinadas pelos governos municipais em cada cidade onde o concurso acontece. A orientação dos organizadores é que os proprietários dos estabelecimentos cumpram rigorosamente as regras definidas e limitem o atendimento à capacidade permitida no estabelecimento.

‘Salve os butecos’ e inovações

Na tentativa de ajudar os estabelecimentos, a organização do Comida di Buteco criou, ainda, o movimento ‘Salve os Butecos’. O objetivo foi contribuir para gerar fluxo de caixa para os estabelecimentos, de forma que eles possam se reerguer. As doações puderam ser em espécie ou em produtos, no caso de empresas que atendem diretamente os botecos e espaços na mídia para divulgar a campanha. A meta era arrecadar R$ 3 milhões, entre julho (data de início do concurso) e agosto, e dividir igualmente entre os participantes do concurso. O acompanhamento das doações pode ser feita por meio do “butecômetro” no site comidadibuteco.com.br.

Outra novidade foi a viabilização de uma parceria com a Tagme – plataforma que permite o agendamento de mesas e a digitalização dos cardápios – para que os interessados pudessem planejar com segurança a ida ao boteco. A ferramenta ficou acessível por meio do site www.comidadibuteco.com.br, onde era possível localizar o boteco a ser visitado e realizar o agendamento. Desta maneira, no horário marcado a mesa reservada estaava disponível, de acordo com os critérios estabelecidos pelo estabelecimento. A medida é mais um dos esforços dos organizadores do Comida di Buteco para garantir mais segurança aos que tenham interesse em frequentar os botecos, presencialmente.

Veja também:

Após ser cancelado por pandemia, Comida di Buteco retorna a Goiás

Carne na chapa em Goiânia: opções para dividir com a galera

Redação Mais Cinco

Redação Mais Cinco

Add comment

Most popular

Most discussed